• Atendimento: (48) 3283.1649 / 9659.0031 /9909.7981
  • imoveis@pinheiraimoveis.com.br
GALERIA DE FOTOS

Data: 22/10/2014
Título: Parque Estadual da Serra do Tabuleiro
Local: Palhoça - Santa Catarina

O Parque Estadual da Serra do Tabuleiro é a maior Unidade de Conservação de proteção integral de Santa Catarina. Ocupa cerca de 1% do território do Estado, com uma extensão de aproximadamente 84.000 hectares. Foi criado no ano de 1975 por iniciativa do renomado pesquisador catarinense, padre e botânico Raulino Reitz, através do Decreto n° 1.260/75. A gestão do Parque é realizada pela Fundação do Meio Ambiente - FATMA.

Abrangendo áreas de oito municípios (Florianópolis, Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, Águas Mornas, São Bonifácio, São Martinho, Imaruí e Paulo Lopes), o Parque protege extensas áreas de serras, planícies e também ilhas costeiras - Fortaleza/Araçatuba, Três Irmãs, Moleques do Sul, Siriú, Coral, Cardos e a ponta sul da Ilha de Santa Catarina.

O Parque do Tabuleiro é considerado Zona Núcleo da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, instituída pela UNESCO, sendo uma área prioritária para a conservação deste bioma. Possui cinco das seis composições botânicas existentes no Estado. Começa no litoral, com as paisagens da Restinga e Manguezal, subindo a serra, passa pela Floresta Pluvial da Encosta Atlântica, Floresta de Araucárias e nas partes mais altas, encontram-se os Campos de Altitude.

O Parque também protege uma riqueza imensurável de recursos hídricos. Rios, cachoeiras e córregos são responsáveis pelo fornecimento de água potável, abastecendo cerca de um milhão de moradores da Grande Florianópolis. Há também um grande complexo de águas termais, que representam enormes benefícios á saúde. Estas águas afloram nas regiões de Santo Amaro da Imperatriz e Águas Mornas.

Outro destaque do Parque é a diversidade geológica. Na planície costeira, a Baixada do Maciambu, pode-se observar um monumento geológico de importância mundial, formado por cordões arenosos semicirculares.

Estes cordões são marcas do recuo das águas do mar durante o período quaternário (aproximadamente 5.000 anos), que depositou sedimentos, formando esta planície costeira. Estas áreas apresentam variados ambientes, como lagos, lagunas, banhados, restingas, tômbolos, dunas e praias.

As paisagens das serras são formadas por diferentes feições, montanhas, vales, cachoeiras, tabuleiros, picos, encostas e escarpas. São cinco serras protegidas pelo Parque, a Serra do Tabuleiro, Capivarí, Santa Albertina, Morretes e a Serra do Cambirela, onde está localizado o pico culminante do parque, com 1.288 metros de altitude.

Informamos que o Centro de Visitantes do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro seguirá o seguinte cronograma de funcionamento e recesso para as festas de fim de ano:

Dias 20, 21 e 22/12 – atendimento normal, das 09h às 16h

Do dia 25/12 a 1º/01/2014 – recesso para festas de fim de ano

A partir de 02/01/2014 – atendimento normal, das 09h às 16h